Advertisement

Comissão Disciplinar pune treinadores com 4 anos de suspensão

Terminou na madrugada desta sexta-feira (12), a reunião iniciada ontem à noite, em Manaus, pela Comissão Disciplinar Nacional do STJD, da CBAt. Na sessão, foram julgados os treinadores e atletas citados no Relatório da Comissão de Inquérito que investigou o caso de uso de substâncias proibidas, constatado em teste-surpresa realizado em 15 de junho de 2009, em Presidente Prudente (SP).

Na principal decisão, os treinadores Jayme Netto Júnior e Inaldo Justino de Sena foram suspensos por quatro anos. Cinco atletas citados e que já cumpriam suspensão de dois anos - Bruno Lins Tenório de Barros, Jorge Célio da Rocha Sena, Josiane da Silva Tito, Luciana França e Lucimara Silvestre da Silva - tiveram a pena reduzida para um ano. Os atletas Rodrigo Bargas e Evelyn dos Santos foram liberados para voltar a competir.

CBAt